4 de abr de 2011

DAMASCO







DIANTE DE TANTA DESGRAÇA
AGORA SÓ RESTA CHORAR
MUITAS SÃO AS AMEAÇAS
A MORTE INSISTE EM VOLTAR
SERÁ QUE A NATUREZA
CANSOU DE SER INDEFEZA
OU TAMBÉM APRENDEU MATAR


                              POETA AMBIENTAL